English Spanish Brasil Français

O mercado internacional de Rungis

Publicado em abril 15, 2014 por Abella | Categoria :

Mercado de Rungis
No Val de Marne, a cerca de dez quilômetros de Paris, está localizado o município de Rungis, sede (juntamente com Chevilly-Larue e Fresnes) do maior mercado de produtos agroalimentares frescos do mundo. Fusão do antigo mercado dos Halles e dos abatedouros da Villette em Paris (que fazem parte de Rungis desde 1975, pouco tempo depois de sua inauguração), o Mercado de Interesse Nacional (MIN) de Rungis foi inaugurado em 3 de março de 1969.

Esta decisão foi tomada dez anos mais cedo pelo general De Gaulle por causa da falta de espaço a cada vez mais presente em Paris, mas também com o intuito de criar um novo mercado mais prático, moderno e principalmente acessível, servido por diversos meios de transporte: à proximidade do aeroporto de Orly, rodovias e estradas ferroviárias, para facilitar o fornecimento dos gêneros alimentícios provenientes de toda a Europa e Marrocos. A deslocalização apelidada de a “mudança do século” foi efetuada em alguns dias, de 27 de fevereiro a 1 de março de 1969.

O mercado internacional de Rungis é principalmente o maior fornecedor atacadista para os profissionais da gastronomia francesa: peixes, queijos, frios, temperos, mercado orgânico, etc., reunindo mais de 500 referências de produtos! O MIN de Rungis também é voltado aos comerciantes da Île-de-France.

O mercado abre muito cedo, às 2 horas da manhã para o setor do mar, onde é possível encontrar produtos marinhos como indicado no nome, os outros setores abrirão progressivamente em seguida: os produtos de açougue às 3 horas, as flores cortadas às 4 horas, os produtos derivados do leite e os vasos de plantas às 5h, e por fim, mais tarde, às 5:30h, as frutas e legumes e os outros produtos.
A maioria das prateleiras estarão vazias em algumas horas, às 11 horas a maioria dos setores se fecham, mesmo já estando vazios bem antes, exceto alguns, como o dos produtos derivados do leite que fecha às 13 horas. O mercado de Rungis é um mercado que vive principalmente à noite, o momento em que as mercadorias são recebidas e os controles acontecem.

O mercado central de Paris ocupa 232 hectares, mas este espaço é reservado apenas aos profissionais (exceto na segunda sexta-feira de cada mês, com visitas privadas organizadas das 5 às 8 horas da manhã). Ou pelo menos era, porque agora, se você estiver na região de Paris, pode se reabastecer com produtos vindos desse mercado por meio de sites de compra online, que oferecem produtos de diferentes setores. Então não deixe de aproveitar essa vantagem inesperada durante sua visita à capital.

Deixe uma resposta